sexta-feira, setembro 04, 2009

29 III...


One Year…One story…


"Era uma vez…e assim começam todas as historias, sejam elas de amor ou não…e esta será uma loving story? Não somente…é mais uma historias de duas vidas que se cruzaram e iniciaram um novo caminho…e com isso também fizeram uma história de amor.
Voltando à dita historia…Repito…Era uma vez dois seres que viviam as suas vidas em mundos distantes. Certo dia uma alma perdida do acaso construiu uma ponte para que estes dois seres se encontrassem e até trocassem umas palavras.
Nesse trocar de palavras, as primeiras eram de desabafo…angustia…medo…sofrimento…mas que com o tempo foram-se tornando de conforto. Um conforto que começou por tocar o coração como um apelo à compreensão para passar a ser um apelo ao amor…
Mas deixemos apresentar estes dois seres que à data em que estamos, na história, se encontram parados (como que em pausa) no cimo da ponte.
Ser que dá pelo nome de Birdlove, um ser que tem um brilho nos olhos, que são do tamanho do sol, um cabelo escuro com um corte de há pelo menos 50 anos, um andar que não deixaria ninguém confundi-lo em parte alguma, uma pele malhada tal como o céu é pintalgado de estrelas. Gosta de sossego mas também de ser desassossegada, ouve música de gente esquisita, fotografa tudo o que mexe ou que apenas se põe parado à frente da sua objectiva.
O outro ser é a Wildsoul, um ser com um ar descontraído, com uns olhos pequenos e expressivos, um cabelo irregular como um arbusto selvagem, um andar desengonçado, e a pele vai variando com as estações do ano. Ser social que dá tudo por uma boa gargalhada e conversa. Quando com uma DS na mão parece um cão com um osso…ai de quem lhe tocar!
E sobre estes dois personagens haveria tanto ainda para dizer mas estamos aqui é para contar uma história e não para fazer uma biografia das personagens.
Mas estávamos na ponte… Em cima da ponte trocaram o primeiro sorriso já com um raio de amor por cima, deram as mãos e largaram-se a correr pela ponte adiante, mesmo que nem sequer sonhassem com o paradeiro que iriam ter, ou qual seria aquele caminho.
De repente estavam numa estrada que só tinha um sentido e não havia outras estradas paralelas, havia umas quantas estraditas de terra batida mas aquela que era a iluminada, de alcatrão e que parecia assim tipo estrada nacional, era aquela!
O tempo foi passando e wildsoul fugia para o ninho da birdlove e esperava que esta voltasse da apanha de insectos que lhe rendia o suficiente para manter o ninho. Birdlove por sua vez também fugia para a caverna de wildsoul, onde esta estava já instalada no seu T menos Zero com o seu Holliganito…
E assim se passaram 3 meses entre ninho e caverna, com e sem holliganito…E foi aí que surgiu o seu primeiro projecto…arranjar um lugar que fosse algo que se assemelhasse a um ninho mas que também fizesse lembrar uma caverna para poderem viver WS e BL com o Holliganito confortavelmente.
Uma busca aqui e ali…teclando aqui e ali, lendo aqui e ali, olhando para janelas aqui e ali…encontraram o espaço perfeito para BL e WS!
Algo que tinha cantos e recantos e também alguma altura… Dava para esconder como numa caverna e aninhar como num ninho…algo que se dividia em duas partes uma parte em que se entra directamente para a casa sem passar por um Hall, tal como numa caverna, e que ao subir uma escada tal tronco de arvore se encontra dividido em três possíveis ninhos…Perfeito um ninho caverna ou uma Caverna aninhada! Estava encontrado o espaço para fazer casa!
A partir desse dia a sua casa era ali…construíram o dia-a-dia com amor, crescimento e amadurecimento.
Para WS nunca houve um só dia em que pensou que fora depressa de mais ou que talvez não quisesse isto para a sua vida…era o que queria e é o que sente que quer a cada dia que passa. BL teve medo mas arriscou o seu ninho por partilhar uma caverna aninhada com WS…
Se o crescimento de holliganito se mede numa parede a cada mês que passa e nas palavras que vai dizendo, o crescimento de WS w BL também se medo pela partilha de espaço, de amor, de cuidado, de entrega.
O caminho que vem à sua frente continua a ser tão indefinido como era na altura da ponte só que agora elas trazem duas mochilas carregadas de algo que lhe permite agarrar-se a qualquer pedra ou ramo para subir a algo alto e vislumbrar mais estrada por diante… os passos dão-se lado a lado de mãos dadas e pontapeando pedras atirando ramos e limpando o caminho à passagem…em cada esquina limam arestas, em cada encruzilhada param olham nos olhos soltam as mão pensam e voltam a dar as mãos para seguir a estrada que escolhem juntas… Se os sonhos existiam na cabeça de BL de um modo Neverland agora existem na mesma mas como loveland e na cabeça de WS se os sonhos eram algo demasiado terreno agora caminha sobre um a nuvem chamada love land…
Se nesta história alguém perguntasse…e quem terá crescido mais…Esta seria de fácil resposta…o Holliganito…E alguém diria: Esse é obvio e quanto a BL e WS? Aí a resposta seria: cresceram as duas, embora em faces diferentes…cada uma tem na mesma o seu mundito em que cresceram muito para construir o mundo delas! Uma que se deu e entregou de um modo que deixa o seu ser rebelde ser cordeiro de vez em quando…adocicou e até já dorme agarradinha…E a outra cresceu na sua partilha e resolução de conflitos…nem sempre se tem de ser doce-mel!
Futuro? O que é isso? Será algo que se constrói em cada passo? Se for isso sim o futuro vai-se construindo com tudo o que de inesperado se pode esperar dele…e para isso WS e BL e até HG estão cá para o receber.
Para quem gosta de histórias será só ligar canal XX para assistir em directo a mais episódios de The story of BL e WS com participação especial de HG."
By Wildsoul
Se há um ano atrás me dissessem que tudo isto iria acontecer neste ano eu não iria acreditar, mas está a ser muito bom vivê-lo contigo...
Obrigada minha Wildsoul...

1 Comments:

Blogger pinguim said...

O amor é uma coisa maravilhosa e põe as pessoas a escreverem coisas maravilhosas sobre o amor...
Beijos, muitos beijos a ambas.

05 setembro, 2009 00:50  

Enviar um comentário

<< Home